02 outubro 2015

cólicas na gravidez


cólicas na gravidez, cólicas na gestação é normal


Segundos os médicos as dores uterinas durante a gravidez são normais a não ser que sejam fortes e intensivas, se as cólicas forem frequentes e fortes deve se comentar com o seu obstetra para que ele faça o acompanhamento, o 1 º e o 3 º são os que mais estão sujeitos a cólicas.


Se a mulher tiver uma cirurgia antes da gravidez ela terá mais possibilidades de ter cólicas a medida que a gravidez evolui, se for a primeira gravidez isso acontece por conta do crescimento do útero, pode acontecer de muitas gestantes sentirem dores no final da gestação por conta dos movimentos do bebe mais isso de acordo com os médicos é normal.

A infecção urinaria pode causar cólicas porque o corrimento vaginal pode causar a contaminação das trompas e do útero por conter bactérias, a dor na bexiga também pode ser confundida com cólicas por isso sempre que suspeitar de uma infecção urinaria diga ao seu medico para fazer um exame.

No momento em que o embrião se fixa no útero - quando acontece a nidação, pode acontecer da gravida sentir um leve desconforto mais geralmente as mulheres nesse momento ainda não sabem que estão gravidas. Caso as cólicas estiverem piorando e quando são acompanhadas de um sangramento pode ser um começo de aborto por isso é preciso ir imediatamente para a emergência ou entrar em contato com seu obstetra. 

Para o alivio das cólicas fortes só um médico poderá ajudar mas normalmente eles procuram a causa das dores receitam medicamentos, pedem repouso, abstinência sexual  e exames para saber se á infecção de urina e intestinais. 

Caso essas cólicas venham acompanhadas de febre, calafrios, sangramentos, vômitos e dor ao urinar deve se procurar um medico imediatamente pois pode ser algo mais sério.

Orgasmo

- Cólicas durante ou depois do orgasmo as vezes com dores nas costas
 - Causa: Você pode estar tensa ou as veias da sua regão pélvica podem estar sobrecarregadas
- Uma massagem nas costas pode ajudar a amenizar a dor e manter um ritmo de sexo que seja confortável para você podem ajudar

Falso trabalho de parto

- Dor nas costas persistente e cólicas
- Causa: pressão no reto e na região pélvica
- Uma caminhada vigorosa ou deitar um pouco pode amenizar as dores, um banho morno ou uma bolsa de água quente podem ajudar também.

Distensão dos ligamentos

- Cólicas leves dos dois lados ou de um lado só.
- Causa: Os ligamentos estão se distanciando para sustentar o utero que está em crescimento
- Sentar ou deitar e colocar os pés pra cima e descansar quando a dor aparecer podem ajudar a aliviar. O médico pode passar medicamentos para ajudar a aliviar mais só tome com orientação do seu obstetra.

Gases

- dor nas costas, no ombro e em qualquer parte da barriga
- Causa: alguns alimentos podem causar o acumulo de gases na gravidez.
- Seu obstetra pode passar medicamentos antigases seguros para você

Aborto espontâneo

- Durante os primeiros três meses da gravidez, cólicas acompanhadas de sangramentos e dor no baixo ventre
- Causa: Acaba acontecendo no 1 º trimestre porque o feto não esta se desenvolvendo direito, é raro acontecer por algo que a mãe tenha feito
- Tente se acalmar, ligue para o seu medico, deite-se ou sente com os pés pra cima. Se a cólica vier acompanhada de hemorragia vá imediatamente para um pronto-socorro 

Gravidez ectópica

- Dor forte no ombro, cólica com dor aguda e sensibilidade, começa normalmente em um dos lados e vai se espalhando pela barriga. Pode ter um sangramento aguado e escuro.
- Causa: O ovulo se implantou fora do útero: no ovário, na cavidade abdominal, no colo do útero ou nas trompas uterinas.
- Vá a um medico imediatamente pois a gravidez ectópica pode ser fatal se não tratada.

Aborto tardio

- Cólica com forte sangramento
- Causa: Provocado por alguma lesão, alguma doença na mãe ou problemas na placenta
- Se a cólica vier com hemorragia vá para um pronto-socorro mais próximo e ligue para o seu médico, Se for só uma ameaça de aborto o médico deve receitar repouso caso tenha acontecido um aborto pode ser necessário uma curetagem. 

Parto prematuro 

- Pressão no baixo ventre, aumento ou mudança na secreção vaginal (com sangue, mais aguada ou parecida com muco) cólicas abdominais ou diarreia, dor nas costas constantes, enrijecimento do utero ou contrações regulares.
- Causa: Muitas vezes a causa é desconhecida, mais pode ser provocado por estresse ou doenças
- Vá para o hospital ou ligue para o seu medico, uma equipe médica vai tentar interromper o trabalho de parto com remédios se eles conseguirem você deverá tomar remédios para conter as contrações e fazer repouso.

É isso minha gente espero que o post tenha ajudado vocês e logo mais volto com novidades !!!






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

 renata massa